Trabalho na Europa

País

Suécia - trabalho

País: Suécia
Línguas oficiais: sueco
Forma de governo: monarquia constitucional
População: 9,6 milhões
Capital: Estocolmo
Moeda: coroa sueca (SEK)
Membro da UE ou do EEE: UE
Código telefónico: +46
Código Internet: .se

Por que neste país?

A Suécia ocupa habitualmente o lugar cimeiro entre os países com melhor desempenho mundial em matéria de saúde, literacia e desenvolvimento humano, e a sua economia figura entre as 10 mais competitivas a nível mundial. Os suecos são conhecidos pela sua neutralidade e capacidade de gerar consensos. Também conhecida pelos elevados impostos e segurança social generosa, a desigualdade de rendimentos é baixa e os sindicatos poderosos.

Os maiores setores industriais são os da engenharia, telecomunicações, indústria automóvel e indústria farmacêutica. As previsões apontam para uma perda de postos de trabalho na indústria transformadora, na agricultura e na silvicultura, mas também para que outros sejam criados nos setores de serviços públicos e privados e da construção. Há uma concorrência renhida em relação aos empregos para licenciados na área do jornalismo. Recentemente, a concorrência tem sido menor no caso dos engenheiros civis qualificados, dos especialistas em informática e no setor da construção, bem como dos profissionais de saúde, incluindo médicos, parteiras e enfermeiros.

Procurar trabalho

Normalmente, os candidatos qualificados (sobretudo nos setores das TI e financeiro) procuram as vagas existentes nos sítios web das empresas. As candidaturas espontâneas também se estão a tornar mais comuns. O serviço público de emprego recruta principalmente trabalhadores pouco qualificados e colabora de perto com as agências de recrutamento. O seu sítio web (ver página Ligações do portal EURES) é o que mais ofertas de emprego publicita na Suécia.

Dicas para a apresentação das candidaturas

Antes de se candidatarem, os interessados entram normalmente em contacto com a pessoa responsável para obterem mais informações sobre um emprego. Também é usual contactarem o representante do sindicato para se informarem a respeito dos salários.

Respeite escrupulosamente as instruções dadas no anúncio de emprego. Os formulários de candidatura por via eletrónica são muito comuns. Se enviar uma carta de apresentação e o CV por correio eletrónico, não anexe outros documentos, a menos que o anúncio os solicite. Há computadores disponíveis em todos os serviços públicos de emprego e bibliotecas.

Todas as candidaturas por escrito devem mencionar a referência do emprego a que dizem respeito. As candidaturas devem ser sucintas, bem organizadas e informativas, utilizar um estilo dinâmico e estar bem adaptadas aos requisitos referidos no anúncio. A concisão e a pertinência são essenciais: a carta de apresentação deve limitar-se a uma página e o CV a duas, no máximo.

É conveniente que os candidatos telefonem ao empregador a perguntar se recebeu a candidatura.

É habitual incluir uma fotografia no CV?

Não é prática corrente, mas por vezes o empregador pode solicitar que o faça.

Há preferência por candidaturas manuscritas?

Não, na Suécia não se utilizam candidaturas manuscritas.

O CV modelo Europass é amplamente utilizado e aceite?

Não é frequentemente utilizado, mas os empregadores aceitam-no.

Contactos telefónicos

Embora a cortesia seja essencial nos contactos telefónicas, os suecos têm uma atitude bastante informal. Na Suécia, não se faz referência aos títulos durante uma conversa.

Tenho de enviar diplomas juntamente com a minha candidatura?

Não é comum anexar documentos à candidatura. Se o empregador solicitar uma cópia do seu diploma, leve-a consigo para a entrevista.

Devo apresentar referências, cartas de recomendação ou o certificado de registo criminal?

Se tiver pessoas que possam dar referências atualizadas a seu respeito, inclua os respetivos contactos no CV. Caso contrário, escreva: «Dão-se referências quando solicitadas ». A maior parte das vezes, as referências são dadas por um antigo empregador, que apoia a sua candidatura e pode descrever o seu caráter e capacidade para o trabalho.

As cartas de recomendação são necessárias e poderão ajudá-lo. Leve-as consigo para a entrevista. Podem ser escritas por um antigo empregador, chefe de equipa ou responsável pelos recursos humanos. Se não tiver experiência profissional, pode apresentar uma carta de recomendação de um professor ou dirigente desportivo.

Período habitual entre a publicação do anúncio de emprego e a entrada em funções

Esse período pode ser de 1 ou de várias semanas, embora nalguns setores, como o dos serviços e o da hotelaria e restauração, o processo seja muito menos demorado.

Preparação para a entrevista

Geralmente, a entrevista dura cerca de 90 minutos e o candidato poderá ser chamado para uma segunda reunião. Se estiver impedido de comparecer na entrevista, deve informar o empregador assim que puder e perguntar se é possível fazer nova marcação.

Dicas sobre o que deve vestir

Na maioria dos empregos não se exige um vestuário demasiado formal, mas o candidato deve vestirse com asseio e aprumo. Já não é habitual usar gravata. Calças e casaco de bom corte são sempre aceitáveis, tanto para os homens como para as mulheres.

Quem estará presente?

Estarão presentes um ou dois representantes da empresa e, frequentemente, um representante do sindicato.

Cumprimentamo-nos com um aperto de mão?

Sim, sem dúvida. É a prática usual.

A entrevista obedece a um esquema rígido?

Por norma, pedir-lhe-ão que se apresente (seja breve) no início da entrevista, e depois que explique ao empregador a razão por que se candidatou ao lugar e o que sabe sobre a empresa. Mantenha-se descontraído, mas atento.

São perguntas habituais: Tem facilidade em aprender coisas novas? Como reage quando o criticam? É eficaz na resolução de problemas? De que forma enfrenta um problema quando este surge? De que coisas se orgulha? Pode contar-me uma coisa verdadeiramente boa que tenha feito? O que espera estar a fazer daqui a 5 anos? Para si, o que é um bom colega? Pode falar-me de algum erro que tenha cometido e do que aprendeu com essa situação? Como é que os seus amigos o descreveriam? Como o descreveria o seu diretor? Como funciona em grupo? Quais são os seus pontos fortes e os seus pontos fracos? Como reage a situações desgastantes? Porque devemos contratá-lo?

Na primeira entrevista, o candidato pode perguntar como é um dia normal de trabalho, quando será informado dos resultados da entrevista, quando começará a trabalhar, se há algum programa introdutório, etc. Não aborde a questão do salário no início do processo de candidatura, aguarde até o empregador referir o assunto.

Quando é que uma pergunta ultrapassa os limites?

Existem leis contra a discriminação (em função do género, religião, origem étnica e deficiência). O candidato pode decidir responder, ou não, a este tipo de perguntas durante a entrevista. As questões que não são importantes para o trabalho (idade e origem do candidato, se tem filhos ou não) são do foro privado.

Negociação do salário e outras contrapartidas

Quanto mais qualificado for o trabalho, maior é a margem de manobra para negociar o salário. Na Suécia, a maior parte das condições de trabalho está regulamentada em acordos coletivos, o que significa que não há muito espaço para negociações individuais, pelo menos nos empregos menos qualificados.

O salário mensal é o mais comum. Nos cargos de direção, é provável que haja margem de manobra para negociar regalias suplementares. Estas são negociadas com o departamento de recursos humanos.

O certificado de registo criminal é exigido no caso de empregos no setor público ou em que se trabalha com crianças. Essa exigência é referida no anúncio ou mencionada diretamente ao candidato pelo empregador.

Poderá haver um período experimental?

Poderá ser solicitado ao candidato que trabalhe 1 dia à experiência, mas este tem direito a ser pago por isso.

Qual a duração normal dos estágios?

O período normal de estágio é de 6 meses.

O empregador reembolsar-me-á das despesas efetuadas para comparecer à entrevista?

Não, isso não é habitual, mas se o candidato for muito especializado, é possível que aconteça.

Quando me comunicarão os resultados?

Se nada lhe for comunicado no prazo de 2 semanas, o candidato deve contactar o empregador e perguntar quando poderá ter uma resposta.

Obtenção de resposta e seguimento da candidatura

É sempre possível contactar o empregador após a entrevista e perguntar qual será a etapa seguinte no processo de candidatura. Se não for selecionado, pode inquirir os motivos dessa decisão.

Com que antecedência devo chegar à entrevista?

Seja pontual. É sempre conveniente chegar com cinco minutos de antecedência. Na Suécia, nunca se deve atrasar para uma entrevista.

data da ultima modificação: 2014-11-24 09:54:45

© União Europeia

Study in Poland
agh_en_220_300.jpg
Privacy Policy