Quem estará presente?

País
Achado: 32
PaísQuem estará presente?
Alemanha - trabalho
Habitualmente, a entrevista é conduzida por, no mínimo, duas e, no máximo, seis pessoas. Entre os intervenientes poderão encontrar-se o proprietário ou diretor-geral da empresa, membros da direção, pessoal do departamento de recursos humanos e pessoas que desempenhem funções análogas às do lugar a ocupar.
Áustria - trabalho
Na entrevista, poderão estar presentes o diretor do departamento em que existe a vaga, o responsável dos recursos humanos e um representante da comissão de trabalhadores.
Bélgica - trabalho
A primeira entrevista é normalmente conduzida por um psicólogo. Seguidamente, poderá ser entrevistado pelo seu futuro superior hierárquico ou mesmo por um futuro colega. Finalmente, terá uma entrevista com um representante do departamento de recursos humanos para negociar o salário, etc. Conte com 45 minutos para cada entrevista e com meio dia para os testes.
Bulgaria - trabalho
Se a entrevista tiver lugar na empresa, participarão apenas o empregador ou um seu representante e o candidato; se se realizar no centro de emprego local, estará também presente um funcionário do centro.
Chipre - trabalho
A entrevista é, habitualmente, conduzida pelo diretor ou pelo responsável pelo pessoal, mas lembre-se que a maior parte das empresas cipriotas são unidades de pequena dimensão em que o proprietário desempenha também essas funções.
Croácia - trabalho
Uma só pessoa, ou um grupo de pessoas, consoante as empresas.
Dinamarca - trabalho
O número de pessoas presentes na entre-vista pode variar entre uma e cinco. É importante estabelecer contacto visual com todas e tentar fazer com que se sintam incluídas. Por norma, a reunião não dura mais de 1 hora, sendo oferecido um café ou um chá ao candidato.
Eslováquia - trabalho
O painel de entrevistadores será geralmente constituído por um a três representantes da empresa e entrevistará 10-30 candidatos. Por vezes, poderão realizar-se entrevistas em grupo.
Eslovénia - trabalho
Os testes são normalmente efetuados em grupo e conduzidos por um psicólogo. Inicialmente, também poderá ser realizada uma reunião de grupo para apresentar a empresa e os postos de trabalho. Normalmente, basta uma entrevista para o empregador tomar uma decisão sobre o candidato, mas poderá ser necessário realizar mais entrevistas. Em geral, a entrevista tem uma duração de 15-45 minutos.
Espanha - trabalho
Normalmente, as entrevistas são conduzidas pelo empregador, um dirigente da empresa ou um responsável do departamento de recursos humanos.
Estónia - trabalho
Geralmente, estão presentes o representante oficial do empregador, um ou vários especialistas em recursos humanos e, se for uma entrevista de grupo, outros candidatos. Nos testes a que poderá ter de se submeter, estarão presentes, em princípio, entre 2 e 10 candidatos. A duração dos testes pode variar entre 30 minutos e 1,5 horas.
Finlândia - trabalho
É normal estarem presentes na entrevista pelo menos duas pessoas da empresa.
França - trabalho
A primeira entrevista é, em regra, conduzida por um representante do departamento de recursos humanos. Nas pequenas empresas ou no setor artesanal, o candidato reúne, por norma, com o diretor.
Grécia - trabalho
No caso de uma entrevista individual, o candidato poderá estar sozinho com o entrevistador, sendo possível que se realizem duas entrevistas consecutivas com pessoas diferentes. Se a entrevista for feita por um comité, este será provavelmente constituído por três a cinco pessoas. Nas entrevistas de grupo, vários candidatos são convidados a participar numa conversa.
Hungria - trabalho
Normalmente, a entrevista será conduzida por uma a três pessoas.
Irlanda - trabalho
Normalmente, as entrevistas são conduzidas por duas ou três pessoas, sendo que uma ou mais lhe poderão aplicar testes. As entrevistas duram, em média, cerca de 40 minutos.
Islândia - trabalho
Na entrevista poderão estar presentes, pela parte do empregador, entre uma e quatro pessoas. De um modo geral, quanto maior é o grau de especialização das funções a desempenhar maior é o número de entrevistadores.
Itália - trabalho
Consoante o lugar em causa, as entrevistas tanto poderão ser conduzidas pelo empregador como pelo chefe do departamento, pelo responsável dos recursos humanos ou mesmo por alguém designado especificamente para essa função; em consequência, tanto pode estar presente um entrevistador como um painel de entrevistadores. Os testes escritos são geralmente realizados em grupos. Normalmente, a reunião ou o teste dura, no máximo, 1 hora.
Letónia - trabalho
Nas empresas mais pequenas, a entrevista é conduzida pelo diretor da empresa ou por aquele que poderá vir a ser o seu superior hierárquico. Nas empresas de maior dimensão, os entrevistadores são geralmente três, incluindo o diretor da empresa ou de um determinado departamento e um especialista em recursos humanos.
Listenstaine - trabalho
A entrevista é geralmente conduzida por uma a três pessoas, entre as quais, pelo menos, um representante e supervisor do departamento de recursos humanos.
Lituânia - trabalho
Nas empresas de maior dimensão, se estiver em causa um cargo importante e houver muitos candidatos, é provável que se realizem entrevistas preliminares conduzidas pelo responsável pelo pessoal. É frequente a segunda entrevista ser conduzida por um superior hierárquico do ocupante do lugar temporariamente vago, porque saberá exatamente que perguntas específicas devem ser feitas sobre o trabalho e por ser a pessoa com quem o candidato virá a trabalhar diretamente. O recurso a centros de seleção (centros de avaliação) não é muito comum na Lituânia, mas alguns empregadores contratam os serviços de empresas de recrutamento para a pré-seleção de pessoal.
Luxemburgo - trabalho
O número e as funções das pessoas presentes dependerão do lugar em causa.
Malta - trabalho
Geralmente, o empregador está presente na entrevista, salvo se se tratar de uma empresa de grande dimensão, caso em que participarão o responsável pelos recursos humanos e o diretor do departamento.
Noruega - trabalho
A entrevista será conduzida por uma a cinco pessoas, entre as quais poderão estar um representante do sindicato e um representante dos trabalhadores, principalmente se o emprego for no setor público.
Países Baixos - trabalho
Uma ou duas pessoas, normalmente.
Polónia - trabalho
Normalmente, estão presentes na entrevista dois representantes do empregador. Caso haja testes, os candidatos poderão fazê-los isoladamente ou em sessões de grupo.
Portugal - trabalho
Geralmente, haverá um único entrevistador.
Reino Unido - trabalho
As entrevistas são habitualmente conduzidas por um painel de dois ou três membros, incluindo o superior hierárquico do lugar vago e um representante do departamento de recursos humanos.
República Checa - trabalho
Em princípio, um a três entrevistadores.
Roménia - trabalho
Normalmente, participam na entrevista o membro do departamento de recursos humanos responsável pelo processo de recrutamento, o chefe do departamento em que existe a vaga e, nalguns casos, o próprio diretor-geral ou presidente da empresa.
Suécia - trabalho
Estarão presentes um ou dois representantes da empresa e, frequentemente, um representante do sindicato.
Suíça - trabalho
Consoante o lugar e a existência ou não de um departamento de recursos humanos, estarão presentes na entrevista duas ou três pessoas. Nas pequenas empresas, a entrevista poderá ser conduzida pelo próprio empregador.
RSS desta lista

© União Europeia

Study in Poland
Privacy Policy