O empregador reembolsar-me-á das despesas efetuadas para comparecer à entrevista?

País
Achado: 32
PaísO empregador reembolsar-me-á das despesas efetuadas para comparecer à entrevista?
Alemanha - trabalho
Há empresas que reembolsam as despesas efetuadas pelos candidatos por motivo da sua comparência à entrevista, mas essa questão não está regulamentada. Resta-lhe, por isso, esperar para ver se as suas despesas serão ou não reembolsadas.
Áustria - trabalho
Não, mas as entidades empregadoras do setor público costumam auxiliar financeiramente os candidatos que provem não estar em condições de suportar as despesas decorrentes do processo.
Bélgica - trabalho
Em regra, o empregador não paga as despesas de viagem dos candidatos.
Bulgaria - trabalho
Isso só acontece muito raramente. As despesas de viagem podem ser reembolsadas no âmbito de alguns programas especificamente destinados a desempregados inscritos nos centros de emprego.
Chipre - trabalho
Não, em Chipre essa prática não é habitual.
Croácia - trabalho
O empregador não é obrigado a suportar as despesas efetuadas por motivo de comparência às entrevistas.
Dinamarca - trabalho
As despesas de viagem efetuadas para comparecer à entrevista raramente são reembolsadas.
Eslováquia - trabalho
Poderá acontecer, mas é raro.
Eslovénia - trabalho
Não, essa prática não é comum na Eslovénia.
Espanha - trabalho
Não, o candidato é que suporta normalmente esses custos. A questão pode ser negociada com o empregador antes da entrevista.
Estónia - trabalho
Não, não é provável que o faça.
Finlândia - trabalho
Provavelmente não, mas em relação a alguns lugares poderá ser negociável.
França - trabalho
As despesas de deslocação para comparecer às entrevistas podem ser suportadas pelo serviço público de emprego, se o candidato nele estiver inscrito e solicitar a concessão desse apoio antes de ir à entrevista.
Grécia - trabalho
É o empregador quem decide se o fará ou não.
Hungria - trabalho
O candidato quase nunca é reembolsado das despesas em que incorreu por motivo da sua comparência à entrevista.
Irlanda - trabalho
É razoável pedir ao empregador que reem-bolse as despesas efetuadas por motivo da comparência à entrevista, mas nos dias que correm tem de estar preparado para lhe dizerem que esses custos não estão contemplados no orçamento. Nesse caso, terá de decidir se está disposto a suportá-los do seu bolso.
Islândia - trabalho
É muito raro que isso aconteça, exceto nos casos dos lugares muito especializados e qualificados. A decisão nesta matéria cabe exclusivamente ao empregador.
Itália - trabalho
Em alguns casos (quando estão em causa determinados cargos), o empregador poderá oferecer-se para reembolsar os custos de deslocação ou parte das despesas de viagem em que o candidato tenha incorrido por motivo da sua comparência à entrevista.
Letónia - trabalho
Os empregadores raramente reembolsam os candidatos por essas despesas.
Listenstaine - trabalho
Sim, mas deve informar-se a esse respeito com antecedência.
Lituânia - trabalho
Não, não é habitual os empregadores reem-bolsarem as despesas de viagem.
Luxemburgo - trabalho
Não, os candidatos não costumam ser reembolsados das despesas de viagem.
Malta - trabalho
Depende da empresa.
Noruega - trabalho
Muitas empresas reembolsam, efetivamente, as despesas de viagem efetuadas pelos candidatos para comparecerem às entrevistas, mas essa questão deve ser previamente confirmada com o empregador.
Países Baixos - trabalho
Esse reembolso não é automático, mas é possível solicitá-lo e esse pedido não é considerado indelicado.
Polónia - trabalho
Não é costume, o reembolso terá de ser negociado.
Portugal - trabalho
Não é comum que isso aconteça, a menos que o empregador necessite desesperadamente de uma determinada e muito específica competência, qualificação profissional ou perfil.
Reino Unido - trabalho
Não, isso não é habitual.
República Checa - trabalho
Não, isso não é habitual.
Roménia - trabalho
Não, na Roménia, os empregadores não reembolsam essas despesas.
Suécia - trabalho
Não, isso não é habitual, mas se o candidato for muito especializado, é possível que aconteça.
Suíça - trabalho
Não, exceto no caso de alguns serviços públicos.
RSS desta lista

© União Europeia

Study in Poland
Privacy Policy