Grécia - trabalho

País: Grécia
Línguas oficiais: grego
Forma de governo: república parlamentar
População: 11,1 milhões
Capital: Atenas
Moeda: euro (EUR)
Membro da UE ou do EEE: UE
Código telefónico: +30
Código Internet: .gr

Por que neste país?

A pequena Grécia tem uma imensa influência, desde os seus contributos históricos para a civilização até à diversidade de paisagens e atividades com que atualmente nos brinda, incluindo mais de 2 500 ilhas, praias encantadoras, ravinas cobertas de vegetação luxuriante e ruínas românticas.

A crise da dívida, a partir de 2010, conduziu à adoção de rigorosas medidas de austeridade e a reformas financeiras. A taxa de desemprego é elevada, sobretudo entre os mais jovens, e a mobilidade profissional reduzida, devido ao grande número de pessoas que trabalham em empresas familiares. Os imigrantes (na sua maioria albaneses), um quarto dos quais trabalham no setor da construção, representam 9,4% da população ativa. O transporte marítimo e o turismo são os dois maiores setores económicos da Grécia. As ofertas de emprego são, na sua maioria, para funcionários administrativos e contabilistas, empregados de balcão, trabalhadores da construção e de serviços pessoais (cabeleireiros, cozinheiros e empregados de mesa).

Procurar trabalho

Para além de consultar o portal EURES, aceda através da página Ligações ao serviço nacional de emprego grego, o OAED, gerido pela organização de emprego Manpower. Pode obter os dados de contacto e todos os centros de emprego locais através da ligação PES index no sítio web do OAED. As agências de recrutamento privadas não são permitidas na Grécia.

Dicas para a apresentação das candidaturas

Normalmente, na Grécia, os candidatos a emprego enviam o CV ao empregador por correio eletrónico, ou entregam-no pessoalmente. Por vezes, contactam-no por telefone. O CV deve ser acompanhado por uma carta de apresentação assinada pelo candidato, na qual são expostas as razões da candidatura.

É habitual incluir uma fotografia no CV?

A inclusão de uma fotografia é prática corrente, mas não obrigatória, exceto no setor do turismo, em que os empregadores dos hotéis e restaurantes a podem exigir.

Há preferência por candidaturas manuscritas?

Não, é melhor enviar uma carta datilografada.

O CV modelo Europass é amplamente utilizado e aceite?

De um modo geral, um curriculum vitae grego não tem mais de duas páginas, mas o modelo Europass é conhecido e pode ser utilizado. O empregador está mais interessado nas competências, experiência profissional, personalidade e dedicação ao trabalho do candidato do que no modelo do CV. Verifique se este último é pormenorizado e está corretamente organizado, com todas as referências disponíveis e validadas, se necessário.

Contactos telefónicos

Se telefonar ao empregador, seja educado, sério, honesto, deixe transparecer o seu interesse e ouça com atenção o que lhe é dito

Tenho de enviar diplomas juntamente com a minha candidatura?

Só se isso lhe for especificamente pedido. Contudo, os candidatos devem ter os documentos necessários (diplomas, certificados, cartas relativas à experiência profissional) prontos e autenticados para quando se reunirem com o empregador.

Devo apresentar referências, cartas de recomendação ou o certificado de registo criminal?

A sua apresentação depende do empre­gador. Normalmente, não são necessárias referências, mas, para o efeito, poderá ser indicado um antigo empregador disposto a testemunhar a favor do candidato e a con­firmar as suas qualidades e competências.

Em regra, não são exigidas cartas de reco­mendação, mas deverão estar disponí­veis para serem apresentadas em qualquer momento. O certificado de registo criminal é imprescindível quando se trata de empre­gos no setor da segurança ou do exercício de cargos superiores.

Período habitual entre a publicação do anúncio de emprego e a entrada em funções

Normalmente, esse período não é superior a 1 mês.

Preparação para a entrevista

Antes da entrevista, é conveniente recolher o máximo de informações possível sobre a empresa.

Se não puder comparecer por um motivo válido, deve solicitar uma nova entrevista com 2 ou 3 dias de antecedência.

Dicas sobre o que deve vestir

Cuide da sua aparência, que deve ser pautada pelo asseio, verificando se está bem barbeado e se a sua indumentária corresponde aos padrões da empresa.

Quem estará presente?

No caso de uma entrevista individual, o candidato poderá estar sozinho com o entrevistador, sendo possível que se realizem duas entrevistas consecutivas com pessoas diferentes. Se a entrevista for feita por um comité, este será provavelmente constituído por três a cinco pessoas. Nas entrevistas de grupo, vários candidatos são convidados a participar numa conversa.

Cumprimentamo-nos com um aperto de mão?

Sim, um aperto de mão antes e após a entrevista é um cumprimento cortês e profissionalmente aceitável.

A entrevista obedece a um esquema rígido?

Durante a entrevista, o empregador procu­rará inteirar-se das competências do can­didato e apurar as condições gerais de um eventual contrato. A reunião é conduzida pelo responsável do departamento onde existe a vaga ou pelo responsável do depar­tamento de recursos humanos. Poderão realizar-se duas a quatro reuniões e testes antes do recrutamento.

Em geral, o ambiente em que as entrevis­tas e os testes decorrem é de descontração, cordialidade e observação mútua. Na entre­vista, 30% dos assuntos abordados refe­rem-se a temas não profissionais e 70% a temas profissionais.

O candidato deve intervir ativamente no decurso da entrevista e ouvir atentamente as perguntas, revelando profissionalismo e seriedade. Se tiver de mudar de país para ocupar a vaga, o empregador deixará ao seu cuidado eventuais questões relaciona­das com a língua, o alojamento ou a família.

Quando é que uma pergunta ultrapassa os limites?

As questões relacionadas com as opções políticas e a vida pessoal do candidato são consideradas matéria estritamente privada.

Negociação do salário e outras contrapartidas

Os contratos-tipo incluem cláusulas relativas à duração do trabalho, à remuneração normal e ao subsídio de férias. É aconselhá-vel deixar que seja o empregador a abordar o assunto. Depois, o candidato pode negociar o salário e os eventuais prémios anuais separadamente. Caso existam benefícios adicionais, estes poderão consistir em pagamentos suplementares no final do ano, assistência médica complementar, utilização de viatura da empresa e comissões. Estas questões são negociadas com o departamento de recursos humanos ou com um seu responsável.

Poderá haver um período experimental?

Se o empregador exigir um período de trabalho experimental, o candidato não é obrigado a aceitá-lo.

Qual a duração normal dos estágios?

Há um período de estágio pago com a duração de 12 meses. Se o contrato for rescindido durante esse período, o trabalhador despedido não tem direito a indemnização.

O empregador reembolsar-me-á das despesas efetuadas para comparecer à entrevista?

É o empregador quem decide se o fará ou não.

Quando me comunicarão os resultados?

Em regra, o processo demora cerca de um mês, no total.

Obtenção de resposta e seguimento da candidatura

Geralmente, o empregador toma a iniciativa no que respeita aos procedimentos posteriores à entrevista. Não é comum os candidatos pedirem uma resposta.

Com que antecedência devo chegar à entrevista?

O candidato tem de ser pontual. É aconselhável chegar 10 minutos antes da hora marcada para a entrevista. No entanto, não deve contar com igual pontualidade por parte do empregador.

data da ultima modificação: 2014-11-21 21:27:45

© União Europeia

Study in Poland
Privacy Policy