Trabalho na Europa

País

Luxemburgo - trabalho

País: Luxemburgo
Línguas oficiais: francês, alemão, luxemburguês
Forma de governo: grão-ducado constitucional
População: 537 000
Capital: Luxemburgo
Moeda: euro (EUR)
Membro da UE ou do EEE: UE
Código telefónico: +352
Código Internet: .lu

Por que neste país?

O pequenino Luxemburgo é famoso pelo setor bancário, os baixos impostos e os castelos de contos de fadas. Os arredores da cidade, com a sua mágica paisagem de montes escarpados e vales densamente arborizados, são ideais para dar um passeio antes do almoço numa taberna rústica, junto aos torreões de uma mansão senhorial. Quase metade da população residente no país é constituída por estrangeiros, sendo ainda maior o número de pessoas que atravessam diariamente as suas fronteiras para trabalhar.

O mercado de trabalho cresceu rapidamente nos últimos anos — até 30%, entre 2004 e 2012 designadamente nos serviços comerciais e financeiros, nos serviços de saúde e de segurança social, na construção, nos transportes e comunicações. É igualmente possível que continuem as contratações nos setores da construção, hotelaria e restauração, serviços às empresas, indústria, comércio grossista e retalhista, transportes, saúde e serviços sociais.

Procurar trabalho

As ofertas de emprego são publicadas nos painéis informativos do serviço público de emprego luxemburguês, nas edições de sábado dos jornais nacionais, nos sítios web de agências de emprego privadas, centros de recrutamento e grandes empresas. Consulte na página Ligações do portal EURES endereços web úteis no Luxemburgo.

As candidaturas espontâneas são muito populares no Luxemburgo, especialmente entre os jovens licenciados e as pessoas que se candidatam a um emprego em grandes empresas. Não hesite em recorrer a essa modalidade de candidatura e faça por despertar o interesse da empresa. Provavelmente, a sua candidatura ficará armazenada numa base de dados.

Tendo em conta que o Luxemburgo se situa no centro da Europa e tem três línguas oficiais (francês, alemão e luxemburguês), mui¬tas ofertas de empregos incluem a exigência de que os candidatos falem várias línguas. E dado que as empresas luxemburguesas também têm atividades e cooperam com outras empresas em toda a Europa, o conhecimento de línguas como o neerlandês, o inglês, o italiano, o português ou o espanhol, que não são línguas oficiais do país, é indispensável ou, pelo menos, muito valorizado. Para se conseguir um emprego, é indispensável dominar duas línguas, incluindo, no mínimo, uma das línguas oficiais do país.

Dicas para a apresentação das candidaturas

O procedimento de candidatura mais comum consiste no envio do CV e de uma carta de apresentação em resposta a um anúncio de emprego. Na carta, o candidato deve demonstrar ter uma noção exata do perfil de funcionário que interessa à empresa e possuir as competências e qualidades correspondentes. Deve, ainda, explicar a sua motivação para esse lugar e as razões por que quer trabalhar naquela empresa. O texto deve ser redigido sem erros e, salvo indicação em contrário, na língua em que a oferta foi publicada.

É habitual incluir uma fotografia no CV?

Sim, é habitual incluir uma fotografia no CV.

Há preferência por candidaturas manuscritas?

Pode acontecer, visto que muitas empresas ainda exigem que a carta de apresentação seja manuscrita. No entanto, essa exigência será normalmente mencionada no anúncio.

O CV modelo Europass é amplamente utilizado e aceite?

Não, não é muito utilizado. Os empregadores consideram que o modelo Europass contém demasiada informação e é excessivamente longo.

O CV deve ter duas páginas, no máximo, e mencionar as habilitações académicas, os cursos de formação e a experiência profissional, as competências linguísticas, os conhecimentos de informática e as áreas de interesse.

Contactos telefónicos

Não é recomendável contactar o empregador telefonicamente.

Tenho de enviar diplomas juntamente com a minha candidatura?

É conveniente enviar uma cópia dos seus diplomas juntamente com a candidatura.

Devo apresentar referências, cartas de recomendação ou o certificado de registo criminal?

Não existe uma regra geral no tocante à utilização de referências e cartas de recomendação. Habitualmente, os documentos ou referências cuja apresentação é obrigatória são mencionados no anúncio de emprego. Convém levar cópias de todos eles para a entrevista. Um desses documentos poderá ser o certificado de registo criminal.

Período habitual entre a publicação do anúncio de emprego e a entrada em funções

Tudo depende do tipo de lugar e da disponibilidade do candidato selecionado.

Preparação para a entrevista

Procurar emprego é um trabalho árduo a que terá de dedicar muito tempo para ter hipóteses de chegar rapidamente a bom porto. Ao preparar-se para a entrevista, não poderá descurar o seguinte.

  • Analise-se meticulosamente: pontos fortes e pontos fracos, aptidões, competências e qualidades.
  • Ainda que as suas candidaturas anteriores tenham sido rejeitadas, deve continuar a tentar, certificando-se de que explica com suficiente clareza as razões por que se candidata.
  • Prepare-se com afinco até ter a certeza de que está apto a transmitir ao empregador uma ideia mais exata sobre o emprego e as condições de trabalho que tem em vista.
  • Informe-se sobre a empresa, os seus produtos e a sua imagem.
  • Mostre ao empregador que se preparou para a entrevista, porque se ele ficar com a impressão de que não o fez, considerará desleixado e pouco profissional.

Prepare uma exposição breve e elucidativa sobre quem é e o que o motiva, bem como sobre os seus pontos fortes, relacionando-os com os requisitos do lugar em causa.

Dicas sobre o que deve vestir

Opte por uma indumentária e uma aparência geral condizentes com a situação e o tipo de empresa onde pretende trabalhar. Os empregadores do setor financeiro ainda estão habituados a que os homens se apresentem de fato e gravata.

Quem estará presente?

O número e as funções das pessoas presentes dependerão do lugar em causa.

Cumprimentamo-nos com um aperto de mão?

Sim, cumprimente sempre os entrevistadores com um aperto de mão.

A entrevista obedece a um esquema rígido?

A entrevista não obedece a um esquema rígido, será estruturada consoante a vaga e a empresa (dimensão e setor de atividade).

No entanto, é bem possível que a pessoa que conduz a entrevista lhe faça algumas perguntas ardilosas, sobretudo sobre as razões que o levaram a desistir de outros lugares ou a despedir-se dos antigos empregos. Prepare as respostas com antecedência e ensaie-as perante a família ou os amigos. Estes deverão dizer-lhe, com honestidade, se elas são ou não convincentes.

Em regra, se o interrogarem sobre uma má experiência, procure uma saída airosa. Nunca critique antigos empregadores ou colegas. Contraponha a essa má experiência vários exemplos de coisas que lhe correram bem.

Não se esqueça de que, para causar boa impressão ao seu possível futuro empregador, deve mostrar-se assertivo, manter a cabeça erguida e olhar de frente para a pessoa que conduz a entrevista.

Quando é que uma pergunta ultrapassa os limites?

No Luxemburgo, há leis de proteção da vida privada, pelo que os temas estritamente pessoais não devem ser abordados na entrevista.

Negociação do salário e outras contrapartidas

Em algumas empresas, é possível negociar as contrapartidas financeiras, mas não naquelas em que as remunerações são fixadas por tabela ou reguladas por contratos coletivos de trabalho subscritos pelos empregadores.

A remuneração dos empregados de escritório e dos responsáveis por cargos administrativos ou de direção é expressa em valores mensais, enquanto os salários dos operários são expressos em valores à hora. A atribuição do subsídio de férias não obedece a uma regra comum e os prémios anuais variam bastante consoante a empresa e o setor. Em alguns casos, estão regulados nos contratos coletivos aplicáveis.

Estabeleça para si próprio o salário que, no seu entender, recompensa realmente as suas capacidades e tente convencer o empregador da razoabilidade dos seus argumentos. Para tanto, terá de provar o valor acrescentado que lhe poderá proporcionar, se for contratado. Não é forçoso referir valores concretos quando o interrogarem sobre as suas expectativas relativamente ao montante do salário. Informe-se previamente sobre as remunerações praticadas no setor ou na empresa. A remuneração pode consistir num misto de prestações pecuniárias e regalias complementares.

Para definir a sua posição negocial, ser-lhe muito útil procurar informação nas revistas especializadas em recursos humanos ou junto de pessoas que exerçam funções homólogas noutras empresas.

Poderá haver um período experimental?

Sim, em regra há um período experimental de 3 meses para os trabalhadores não qualificados e de 6 meses para os qualificados.

Qual a duração normal dos estágios?

Geralmente, o período de estágio tem 6 meses de duração.

O empregador reembolsar-me-á das despesas efetuadas para comparecer à entrevista?

Não, os candidatos não costumam ser reembolsados das despesas de viagem.

Quando me comunicarão os resultados?

Em regra, ser-lhe-ão comunicados ao fim de 1 semana.

Obtenção de resposta e seguimento da candidatura

É aceitável telefonar ao empregador para solicitar uma avaliação do seu desempenho na entrevista.

Com que antecedência devo chegar à entrevista?

É atribuída grande importância à pontualidade e ao respeito pelo compromisso assumido.

data da ultima modificação: 2014-11-21 21:38:21

© União Europeia

Study in Poland
Privacy Policy